segunda-feira, setembro 29, 2014

CONSELHO DE CLASSE, da Cia dos Atores


O excelente espetáculo CONSELHO DE CLASSE, da Cia dos Atores, faz apresentação gratuita em São Paulo 


Indico Conselho de Classe para os leitores do Folha da Cultura, o premiado espetáculo da companhia carioca, que já esteve em cartaz no Sesc Belenzinho. O excelente trabalho da Cia dos Atores tem uma única apresentação no Itaú Cultural, quarta-feira, 1, às 20h00. A sessão é gratuita. Ingressos distribuídos com 30 minutos de antecedência.

Com texto de Jô Bilac e direção de Bel Garcia e Susana Ribeiro, a peça faz uma pertinente discussão sobre a crise na educação brasileira a partir do encontro de professores para a realização de um conselho de classe perto do Natal. Os atores Cesar Augusto, Leonardo Netto, Marcelo Olinto, Paulo Verlings e Thierry Trémouroux interpretam, com louvor, o corpo docente, no qual os papeis masculinos e femininos se confundem. 

A reunião acontece na quadra da escola, localizada no centro do Rio de Janeiro, e os ânimos estão alterados devido ao calor e ao cansaço depois de um ano letivo complexo. Em cena, professores de uma escola pública fazem um balanço do rendimento dos alunos e colocam em questão os problemas que enfrentam no cotidiano. Também revelam os seus conflitos com relação à profissão, na medida em que enfrentam cotidianamente o descaso dos alunos, a situação precária da escola e a falta de respeito da sociedade para com o magistério.

Depois de anos dedicados ao magistério, os personagens estão insatisfeitos e sabem que no ano seguinte enfrentarão os mesmos problemas e muitas dificuldades na sala de aula. Além disso, estão à espera de um novo diretor, pois a antiga funcionária foi afastada do emprego depois de sofrer agressões de alunos que não gostaram de uma proibição sua com relação ao uso de bonés na instituição. Sabem que a mudança na direção dificilmente contribuirá para a melhoria das condições da escola.

Apesar das lamentações, os diálogos não são depressivos. É um humor corrosivo para salientar o quanto é complicado lecionar no Brasil.

O texto bem-humorado faz com que as cenas sejam interessantes. É um espetáculo delicioso, que promove sérias reflexões de uma maneira inteligente.

O cenário recria uma quadra de esportes. Cadeiras, um ventilador velho e um telefone público ambientam a história numa escola pública sem uma boa conservação, pichada e com equipamentos quebrados ( igual à maioria que conhecemos por esse Brasil afora), que sofre especialmente com a falta de água e a falta de limpeza. 

Imperdível!

Leia mais matérias de NANDA ROVERE

Ficha Técnica:

Texto: Jô Bilac
Direção: Bel Garcia e Susana Ribeiro
Assistência de direção: Raquel André
Elenco: Cesar Augusto, Leonardo Netto, Marcelo Olinto, Paulo Verlings e Thierry Themoroux
Figurino: Rô Nascimento e Ticiana Passos
Cenário: Aurora dos Campos
Iluminação: Maneco Quinderé
Trilha original: Felipe Storino
Direção de produção: Tárik Puggina 
Produção: Nevaxca Produções 
Coprodução: Treco 
Realização: Cia dos Atores

Serviço:

De Vez em Quarta, Teatro
Conselho de Classe
Com Cia dos Atores
Dia 1 de outubro (quarta-feira), às 20h
Duração: 70 min
Classificação Indicativa: 12 anos
Sala Itaú Cultural (249 lugares)
Entrada franca (ingressos distribuídos com 30 minutos de antecedência)
Estacionamento com manobrista: R$ 14 uma hora; R$ 6 a segunda hora;
e mais R$ 4 p/ hora adicional
Estacionamento gratuito para bicicletas
Acesso para deficientes físicos
Ar condicionado
Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô
Fones: 11. 2168-1776/1777
atendimento@itaucultural.org.br
www.itaucultural.org.br
www.twitter.com/itaucultural
www.facebook.com/itaucultural
www.youtube.com/itaucultural
www.flickr.com/itaucultural