sábado, novembro 01, 2014

Ney Latorraca parou espetáculo para se defender de xingamentos homofóbicos


Foi uma noite mal dormida para o ator Ney Latorraca, que nesta quinta-feira parou a peça “Entredentes”, em cartaz no Teatro Sesc Ginástico, no Centro, para repreender uma espectadora, de 72 anos, que estava conversando na plateia, conforme anunciou a coluna de Ancelmo Gois.

— Ela estava o tempo todo falando alto e fazendo comentários homofóbicos. Tive de parar. Isto nunca me aconteceu nestes anos todos de palco — disse Latorraca.

Segundo Gerald Thomas, diretor da peça, Latorraca foi "agredido por vinte minutos" pela espectadora. Em sua página no Facebook, Thomas contou que a senhora teria usado xingamentos como "veado" e "filho da p*".

A senhora foi retirada da plateia. O ator diz que precisou tomar água para se acalmar e seguir com o espetáculo, que foi interrompido quando estava pela metade. Testemunhas contaram que a espectadora também teria passado mal.

— Não sei se por causa do clima das eleições, não sei o que é, mas as pessoas perderam a noção. Acham que podem dizer o que querem, que liberou geral, que podem agredir. Só que eu não vou permitir — afirmou o ator, que admitiu ter ficado muito incomodado com o episódio. — Isto que aconteceu não tem nada a ver com o meu perfil. Jamais fiz uma coisa dessas. Não mereço isso. Se ela é uma senhora de 72, eu sou um senhor de 70. Quase não dormi esta noite.

Ney Latorraca disse que para ele o episódio está encerrado.

— Agora é seguir em frente.

Em comunicado, o Sesc Rio lamentou o incidente, informando que a rede "difunde a cultura de forma ampla e preza a diversidade em todas as suas atividades". Segundo a nota, a temporada de "Entredentes" vai seguir normalmente, com apresentações agendades desta sexta-feira a domingo, às 19h.

FONTE - O Globo