quarta-feira, janeiro 28, 2015

Fernando Neves (Os Fofos Encenam) dirige Chica Boa, de Paulo Magalhães


Dica de NANDA ROVERE

Chica Boa é uma comédia do circo-teatro, que faz parte do projeto Do Riso ao Choro,na FUNARTE,

A estreia é em 29 de janeiro, quinta-feira, às 18h30. Apresentações somente nos dias: 29 (qui), 30 (sex), 31 (sáb), às 18h30. Ingressos gratuitos

Chica Boaé uma comédia de Circo-teatro cuja história se passa no Rio de Janeiro, mais precisamente no bairro de Santa Teresa.

Dona Engrácia é uma velha rabugenta e autoritária, que comanda a rédeas curtas seus familiares, sobretudo seu marido, o fraco e dominado Teodósio.

A situação começa a mudar quando a jovem Chica Boa surge inesperadamente no lar de Dona Engrácia e abala o lugar com seus ares renovadores e um passado cheio de mistério.

A direção é do experiente ator, diretor e pesquisador Fernando Neves do excelente grupo Os Fofos Encenam.

Fernando já montou várias peças do repertório do Circo-teatro, sempre trazendo ao público muita diversão e cenas criativas, que contribuem para que circo-teatro permaneça vivo.

Leia mais matérias de NANDA ROVERE

FICHA TÉCNICA CHICA BOA

Texto: Paulo de Magalhães

Direção: Fernando Neves

Ass. de Direção: Kátia Daher

Elenco:

Eliana Bolanho

Flávio Pires

Guto Togniazzolo

Juliana Gontijo

Luciana Viacava

Nereu Afonso

Vera Abbud

Direção Musical: Fernando Esteves

Figurinos: Carol Badra

Visagismo: Carol Badra

Cenografia: Fernando Neves, Marcelo Andrade e Zé Valdir

Cenotecnia: Zé Valdir

Iluminação: Eduardo Reyes

Fotografia: Ligiane Braga

Operação de Som: Kátia Daher

Operação de Luz: Rafael Araújo

Produção: Rafaela Penteado

Design Gráfico: Thais Oliveira

Sobre o Projeto Do Riso ao Choro

Ao todo serão 97 Apresentações, 22 espetáculos com 19 grupos ou artistas do Brasil (São Paulo, Santa Catarina, Belo Horizonte e Recife) e um, excepcionalmente, da França, além de três oficinas; Oficina de Cortejo de Palhaços com Fernando Escrich; Oficina de Corpo Cômico com Ronaldo Aguiar e Oficina de Circo Teatro com Fernando Neves.

O núcleo de palhaços da ocupação é formado pelos artistas Fernando Paz, Juliana Gontijo, Luciana Viacava, Nereu Afonso, Paola Musatti e Vera Abbud, que há mais de duas décadas integram grupos expoentes da linguagem do palhaço, do circo e do teatro popular em São Paulo, como La Mínima, Jogando no Quintal, Doutores da Alegria, Circo Zanni, As Graças, Nau de Ícaros e Pelo Cano.

Desde julho, esse núcleo ocupa a Sala Carlos Miranda e os arredores dos Campos Elíseos. A programação, que segue até o mês de fevereiro de 2015

A figura do palhaço, as comédias e os melodramas circenses darão a tônica das atrações.

A programação é indicada a toda a família (inclusive alguns dos espetáculos apresentados em horário adulto) e dois trabalhos serão particularmente acessíveis ao público com dificuldade visual ou auditiva.

Ao todo serão 22 espetáculos de 19 grupos ou artistas do Brasil e da França, que serão apresentados ao ar livre e na sala Carlos Miranda, além de três oficinas; Oficina de Cortejo de Palhaços, com Fernando Escrich; Oficina de Corpo Cômico, com Ronaldo Aguiar e Oficina de Circo Teatro, com Fernando Neves, abertas ao público.

Serviço:

Projeto do Riso ao Choro Contemplado com Edital de Ocupação da Sala Carlos Miranda do Complexo Cultural Funarte São Paulo, em 2014

Funarte São Paulo - Sala Carlos Miranda Al. Nothmann, 1058 - Campos Elíseos, São Paulo CEP 01.216-001

Sala Carlos Miranda do Complexo Cultural Funarte São Paulo. Alameda Nothmann, 1058, Campos Elíseos, São Paulo, SP

Capacidade: 50 lugares

Grátis